20 março, 2015

Everyday is a happy day

Há pouco tempo fui confrontada com a questão "és feliz?" e infelizmente, a minha resposta foi dolorosa para mim e para quem me rodeia - "não sou". Não era, na verdade, mas em poucos meses tudo mudou. Hoje vivo a mesma vida que vivia há 3 meses atrás com uma enorme diferença - sou mais feliz do que alguma vez fui.

Foi preciso ter consciência que não havia felicidade alguma no meu dia-a-dia para perceber que algo teria de ser feito, que não estava, de certeza, a viver a vida como é suposto. Rodeada por pensamentos negativos, pessoas negativistas ou notícias capazes de meter medo ao susto, acabei influenciada pelo mar de insatisfação e flutuei nele durante anos sem alguma vez questionar o quão absurdo seria viver assim. Contrariamente ao que a sociedade actual pode fazer-nos subentender, a nossa natureza humana procura a felicidade, a compaixão e a fuga ao ódio ainda que manter uma mente feliz requeira treino. Faz sentido, da mesma forma que temos naturalmente uma anatomia que nos permite falar e no entanto, sem treino ou ensinamento somos incapazes de desenvolver essa capacidade.
Não me custou tomar a iniciativa de aprender a ser feliz quando compreendi a gravidade da minha situação e não foi difícil admitir que para reverter o meu problema iria precisar de ajuda, uma ajuda que procurei em formato de livros que com alguma reticência classifico como de auto-ajuda
Comecei por entender como o nosso cérebro cria a felicidade (sim, se ainda têm dúvidas, a felicidade é uma criação da nossa mente), seguido da procura de inspiração nas entidades mais conhecedoras do assunto e com o passar dos dias, semanas e agora meses fui notando as diferenças. 
Passaram-se poucos meses desde que a minha atitude perante a vida mudou e a mudança é óbvia para mim e para aqueles que estão mais próximos de mim com comentários de apreciação, às vezes de choque pela minha mudança de atitude, pelo novo brilho dos meus olhos. Já não sou a pessoa que trancava a cara a cada saída a público, já não sou a jovem que esperava que todos quisessem, milagrosamente, conhecer o ser humano por de trás da bitch face e dos fones nos ouvidos, já não me sinto obrigada a recorrer à música forte e expressiva diariamente para me fazer sentir algo. Não consigo descrever todas as mudanças que vejo em mim nos últimos tempos mas vou a partir de agora, partilhar com vocês as várias etapas que me trouxeram onde estou e que me continuarão a levar mais longe.
Hoje é o Dia Internacional da Felicidade e tudo o que vos peço é que pensem em 5 coisas pelas quais devem estar gratas todos os dias, cinco apenas. Não é difícil mas, diz a experiência, traz benefícios imediatos e inacreditáveis.

nesjgd-horz
Today is International Day of Hapiness and I feel like I need to share how thankfull I am for what I've achieved three months after a huge change happened in my life - I'm now an extremely happy human being. I'm still living in the same place, studying at the same university, surrounded by the same people but with a whole new attitude and that changed everything. All I ask for you today is to think about five simple things that you are grateful for in your life and they could be as simple as "I have a glass of water to drink if I feel like". Just this simple step can have a huge impact in your life, I promise you.
   twitter flickr lookbook facebook  youtube bloglovin

2 comentários:

  1. Eu adorei o texto e acho que toda a gente se questiona uma vez ou outra com essa pergunta "Será que sou feliz?" para mim a felicidade é algo bastante espontâneo é quase impossível sentirmo-nos constantemente felizes, até porque senão o nosso cérebro não conseguia processar toda essa "felicidade" ahahah Para mim desde que me lembro das coisas que mais me ajuda a seguir esse caminho para a felicidade é ter objectivos e conseguir realizá-los. Se eu não tiver objectivos, não tenho motivação e se não tenho motivação então vou-me sentir apática, exactamente aquilo que não quero. Muitas vezes também me deixo levar pelo negativismo mas tento sempre superar isso quando relembro tudo aquilo que já consegui alcançar até agora, toda a evolução mental e aquilo que fielmente fui-me tornando. Com isto quero dizer que acho incrível lutares para te sentires melhor contigo mesma, nota-se pelo teu texto que levas-te uma recarga de energia positiva muito grande e assim é que tem de ser!! Um beijo ;)

    http://insporcelain.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. nice pic :)

    http://terramcd.blogspot.com

    ResponderEliminar